Santa Maria de Jetibá passa a ter projeto que promove a preparação de jovens para vida militar

Com o foco no desenvolvimento humano, na responsabilidade social, e no combate à criminalidade através do ensino, moças e rapazes de 12 a 24 anos a partir do segundo semestre de 2019 poderão se matricular na Escola Preparatória Projeto Militar.

A Prefeitura Municipal de Santa Maria de Jetibá firmou parceria nesta terça-feira, 14, com a Escola Preparatória Militar do Espírito Santo que promoverá um curso preparatório destinado a todos os jovens e adultos vocacionados à profissão militar e para aqueles de desejam se capacitar para o mercado de trabalho. As aulas acontecerão aos sábados, num período de 12 meses em um polo na Vila Jetibá e outro no centro do município.

De acordo com a Escola Preparatória, inicialmente serão ofertadas 100 vagas. Sendo, 40% destas, destinadas integralmente a jovens considerados em situação de vulnerabilidade social ou pobreza extrema. A abertura das matrículas será divulgada no site da Prefeitura e poderão ser feitas, exclusivamente, no site do Projeto Militar (https://projetomilitar.com.br/). Segundo o instrutor, Luiz Cláudio, o projeto consiste em preparar o jovem para um futuro de sucesso longe do caminho das drogas e do crime, gerando qualidade de vida e inclusão daqueles que tem o sonho de seguir a carreira militar, assim, preparar e capacita-los para os exames de admissão às Escolas da Força Aérea, Marinha e do Exército.

A educação é uma poderosa ferramenta contra à criminalidade. Através do ensino preparatório e da educação profissional, o jovem começa a desenvolver suas potencialidades e podendo no futuro, ajudar a sua família. O jovem em sala de aula acaba ficando longe das drogas, da bebida, das más companhias e da vulnerabilidade social.